O papel do Designer Gráfico dentro de uma empresa.

Imagem de William Iven por Pixabay
Imagem de William Iven por Pixabay
Artigo publicado originalmente no meu Linkedin, 10 de janeiro 2020.

Em um processo seletivo me pediram para escrever sobre “O papel do designer gráfico dentro de uma empresa”.  Abaixo segue a resposta que dei:

O Designer, mais do que executar rotinas, pensa processos de criação e comunicação.

Dentro da empresa ele deve construir, supervisionar e, quando necessário, aprimorar um ou mais processos de trabalho a fim de garantir a sua execução, independente de quem execute, com um padrão de qualidade.

É um trabalho que exige atenção ao outro e aos detalhes, sejam clientes ou colegas, e um certo desprendimento, pois o foco maior está sempre na forma como os outros percebem o produto final da sua pesquisa e não na sua interpretação sobre o assunto.

E, além do seu trabalho ter que levar uma mensagem clara para todos, ela deve ser bastante consistente. Afinal ele representará a marca e transmitirá uma idéia sobre a empresa que, junto com outros recursos, ganhará espaço no imaginário coletivo.

Sem um Designer, a empresa periga ter seu produto associado a uma “commodity”, tornando-se refém de margens de lucro baixas para manter sua clientela.

Resumindo, o Designer, dentro da empresa, não só executa, ele também pensa e comunica, tanto para colaboradores internos quanto para os clientes, o porquê da sua marca ter um valor.

E então, vocês concordam?

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star